16 de fev de 2012

Frevos e frevanças I

          Músicas que tocam em meu coração nesses dias de folia. Um carnaval sem abadá e sem sambódromo, mas com muitas fantasias, ladeiras e alegria.

Elefante

Ao som dos clarins de Momo
O povo aclama com todo ardor
O Elefante exaltando a suas tradições
E também seu esplendor
Olinda esse meu canto 
Foi inspirado em teu louvor
Entre confetes e serpentinas
Venho te oferecer
Com alegria o meu amor
Olinda! Quero cantar a ti esta canção
Teus coqueirais, o teu sol, o teu mar
Faz vibrar meu coração, de amor a sonhar
Em Olinda sem igual
Salve o teu Carnaval! 
(Clídio Nigro e Clóvis Vieira)

Voltei Recife

Voltei, Recife
Foi a saudade
Que me trouxe pelo braço
Quero ver novamente "Vassoura"
Na rua abafando
Tomar umas e outras
E cair no passo
Cadê "Toureiros"?
Cadê "Bola de Ouro"?
As "pás", os "lenhadores"
O "Bloco Batutas de São José"?
Quero sentir
A embriaguez do frevo
Que entra na cabeça
Depois toma o corpo
E acaba no pé.
(Capiba)

Chego Já

Eu já chamei você
Você não quis brincar
Pode bater o pé
Pode ficar
O Elefante já vem
Descendo o Amparo, meu bem
E aquela Cobra que sobe
A ladeira com gosto de gás
O Elefante já vem
E Eu Acho é Pouco, meu bem
Segura a Coisa com muito cuidado
Que eu chego já
Segura a Coisa
Que o Chapéu de Bode
Passou desgarrado
Atrás do feitiço
Cheirando a pecado
É com essa menina bonita
Que eu vou
O Elefante já vem
Eu Acho é Pouco, meu bem
Segura a Coisa com muito cuidado
Que eu chego já
Segura a Coisa com muito cuidado
Pra não se queimar.
(Alceu Valença)

CALA BOCA MENINO
Sempre ouvi dizer
Que numa mulher
Não se bate 
Nem com uma flor,
Loura ou morena
Não importa a cor,
Não se bate
Nem com uma flor...
Já se acabou o tempo
Que a mulher só dizia então,
Xô galinha, cala a boca menino,
Ai, ai, não me dê mais não...
(Capiba)

OH! BELA
Você diz que ela é bela,
Ela é bela, sim, senhor,
Porém poderia ser mais bela 
Se ela tivesse meu amor, meu amor.
Bela é toda a natureza, ô bela,
Bela é tudo que é belo, ô bela,
O sorriso da criança,
O perfume de uma rosa,
O que fica na lembrança.
Belo é ver o passarinho, ô bela,
Indo em busca do seu ninho, ô bela.
Todo mundo se amando
Com amor e com carinho
Uns sorrindo outros chorando
De amor.
(Capiba) 

EVOCAÇÃO Nº 1

Felinto, Pedro Salgado
Guilherme, Fenelon
Cadê teus blocos famosos?
“Blocos das Flores”, “Andaluzas”
“Pirilampos”, “Apôis Fum”
Dos carnavais saudosos?!!
Na alta madrugada o coro entoava
Do bloco a “Marcha-Regresso”
Que era o sucesso dos tempos ideais
Do velho Raul Moraes.
Adeus, adeus, minha gente,
Que já cantamos bastante.
E Recife adormecia
Ficava a sonhar
Ao som da triste melodia.
(Nelson Ferreira)

Bjus




Nenhum comentário:

Postar um comentário